🔔

Conte um pouco como nosso site te ajudou em algum momento.



Instagram esconde likes no Brasil para que usuários não se sintam em uma competição


Se você acha que as materias, dicas, videos e noticias que postamos aqui ajuda você, não deixe de contribuir para que possamos continuar a criar um conteúdo cada vez melhor para você. Com o dinheiro arrecadado compramos equipamentos para poder proporcionar para você uma experiência muito melhor e com qualidade.


Postado em: 2019-07-18 11:37:27
Publicidade

Em abril, falamos que que o Instagram realizava testes para remover o número total de curtidas em fotos e visualizações de vídeos para seguidores. Nesta quarta-feira (17), a rede informou que vai começar a experimentar a funcionalidade com usuários brasileiros.

A ideia por trás desse teste é tentar fazer com que as pessoas não se sintam numa espécie de competição para ver quem tem mais curtidas e, talvez, fazer com que elas se sintam mais à vontade para compartilhar conteúdos na rede. “Iniciamos esse teste porque queremos que os seguidores se concentrem mais nas fotos e vídeos que são compartilhados, do que na quantidade de curtidas que recebem”, diz o comunicado da rede à imprensa.

Apesar de os seguidores não puderem ver o número de curtidas, eles conseguirão ver contatos em comum que interagiram com a foto ou o vídeo. Importante lembrar que o dono do perfil conseguirá ainda ter acesso às interações que receber em sua página.

A rede social ressalta que este é apenas um teste e que o experimento é uma extensão do que já rola com alguns usuários no Canadá. Como já foi dito, o objetivo é testar como essa mudança afetará a experiência do usuário.

Se por um lado, a ideia parece interessante, pois tem potencial de deixar o Instagram um ambiente menos tóxico e competitivo, a grande onda no ano passado do Facebook e de outras empresas envolvia tentar mostrar para os usuários o quanto eles estavam viciados em seus telefones e redes sociais, com mecanismos de limite de acesso por tempo e até gráficos detalhando padrões de acesso.

Lógico que não dá para resolver todos os problemas ao mesmo tempo, mas isso tudo serve de lembrete que, no fim das contas, as empresas querem mesmo que você passe o maior tempo possível em suas plataformas.

Fonte: gizmodo

Veja também:



Google esquenta briga com Amazon ao retirar YouTube do Fire TV e Echo Show

Veja +

Dispositivos móveis para aproveitar ao máximo o seu negócio

Veja +

WhatsApp libera stickers no Android e iOS

Veja +

Yahoo implanta método de login que não utiliza senha

Veja +

 

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email e seja um membro da Comunidade JM! É gratuíto aproveite.

copyright ©2012 - 2019 JM Jonathan Moreira - Todos os direitos reservados